COVID-19 |Informação

Informação| COVID-19

Estimados seguidores,

Informo que continuo a dar consultas, mas durante esta fase de pandemia, exclusivamente via online.

Mais informações: 919918225 ou jesuscandeias@gmail.com

sexta-feira, 20 de março de 2020

COVID-19 | A todos os profissionais de saúde que neste momento lutam por nós, deixo um apelo: cuidem de vós!




Nós estamos com medo, confusos, desorientados, ansiosos, uns mais, outros menos, e alguns até mesmo em pânico. E muito, muito, apreensivos relativamente ao futuro.
E vocês como estão? Vocês que olham de frente o inimigo, como se sentem face a esta assustadora realidade? Como têm gerido os vossos próprios medos, porque afinal vocês também são humanos? Como têm gerido a angústia da ausência da vossa família, e a culpabilidade de os pôr também a eles em perigo, ao escolher ir para a frente de batalha, em defesa de todos nós? Com quem falam sobre as vossas angústias?
A maioria de nós teve a vantagem de vir para casa, e proteger-se no conforto do lar.
Mas vocês não! Não tiveram opção! O espírito de dever e de missão foi mais forte do que o medo, e por isso estão aí, sem tréguas, a lutar contra este monstro invisível que tem dizimado milhares de vidas, dos quais muitos de vocês que estão na frente de batalha.
Na última semana tenho estado em contacto com alguns de vós e por trás da armadura da coragem e da felicidade inevitável de salvar vidas, sinto o cansaço, a exaustão, a ambivalência relativamente às escolhas, a culpabilidade por não estar a ser suficiente para com as famílias e, muitas, muitas outras angustias.
As consequências do COVID-19 não são apenas físicas, são psicológicas também. Ansiedade e depressão são cenários reais em casos de emergência pública.
A OMS alerta: as crises de saúde pública podem trazer como consequências cenários de depressão, ansiedade e stress pós-traumático, e os técnicos de saúde são o principal grupo de risco.
Um estudo desenvolvido por Xiang et al. (2014; disponível online) sobre o impacto do último coronavírus - o SARS —, mostrou que 54% dos sobreviventes manifestou transtorno de stress pós-traumático, enquanto 39% teve depressão.
Uma das formas de lidar com stress durante este surto, referida também pela OMS, é encontrarmos uns minutos diários e falar sobre aquilo que nos consome, preferencialmente pedindo ajuda a um técnico de saúde mental.


Neste momento a solidariedade e entreajuda é a única forma de nos protegermos. A humanidade está posta à prova.
Neste sentido, porque também quero fazer parte desta corrente de solidariedade, contem comigo!
Para o efeito disponibilizo, os meus serviços de psicologia, gratuitamente, a todos os técnicos de saúde que se encontram no terreno, por videochamada, ou telefone, de forma a mantermos a segurança de todos (91 991 82 25 ou jesuscandeias@gmail.com). 
Por tudo isto, no meio do caos e desta catástrofe, encontrem uns minutos diários para cuidarem de vós!
Liguem-me. Não hesitem!
Maria de Jesus Candeias
Psicóloga Clínica, Psicoterapeuta
Telefone/ Whatsapp: 00 351 91 991 82 25
jesuscandeias@gmail.com

Sem comentários:

Publicar um comentário

Publicações mais lidas